Sempre zombei de todo pensador que não zombou de si mesmo

“Sempre zombei de todo pensador que não zombou de si mesmo”,
assim começa Nietzsche seu livro A Gaia Ciência.

A compreensão do mundo que nos cerca é uma busca incansável que começou com o florescer da consciência da humanidade. Tentar reconstruir uma história da ciência e tecnologia (C&T) e tentar entender o universo é uma característica que nos impulsiona desde a aurora dos tempos. Entender porque e como estamos aqui é uma caminhada sem fim.

O texto indicado rememora 20 anos de uma sociedade científica no Brasil com suas horas boas e suas dificuldades,

O autor do texto abaixo foi Secretário Geral e depois Vice-presidente na fundação da ANCIB a sociedade cientifica para a ciência da informação no Brasil, em 1989, foi o presidente da Associação por dois períodos de três anos de 1997 / 2003. Assim muito das situações colocadas no artigo estiveram para sua consideração e conclusão. As possíveis indicações críticas que existem obrigam o autor a criticar a si mesmo.

O artigo está, também, em
http://aldoibct.bighost.com.br/aldo%20ancib.pdf

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: