Os imateriais

A consciência traduz e define a apropriação do conhecimento quando – recorda, presta atenção e espera; esta intermediação acontece em um momento do presente. É um estado de vivência provisória e ocorre quando acontece a passagem da informação para conhecimento. Assim a cognição dos conteúdos se processa em um presente cada vez mais alongado pela velocidade dos acessos e a sensibilidade das conexões imediatas, em um processo que se inicia no tempo cronológico dos estoques de conteúdos.

O grande temor é não conseguir acompanhar a rapidez dos eventos neste processo de tranformação e ficar para trás, sobrecarregado de ativos imateriais, que podem ficar indesejáveis se não forem trocados devidamente. A riqueza que temos aderente vem destes ativos intangíveis quando trocados para conhecimento formando nosso capital intelectual. Mas todo o procedimento se inicia no labirinto da inconstância dos significados de informação armazenados.

Um bom exemplo de uma informação em sua estrutura é o texto, um conjunto de expressões de uma escrita fixou em uma base, com a multiplicidade de configurações das possibilidades de um idioma; o texto constitui um todo unificado passível de ser distribuído por um canal de transferência de conteúdos; agrega-se materialmente em estoques. O seu discurso inicial de significação é sempre a elaboração de um autor, mas quando distribuído o texto associa em sua amplitude a leitura de um receptor e então fica sujeito à nova interpretação ou reconstrução do que nele está narrado.

Assim conteúdos de informação estocados ou não se transformam na mente do leitor em conhecimento imaterial.É uma constatação de que a finalidade não está na origem, mas no seu destino.

Tem sido, também minha preocupação este tópico e listo três conteúdos sobre o assunto para quem interessar:

1) Les Immatériaux (imateriais simbolicamente significantes) escrito em 2010
http://www.dgz.org.br/abr10/Art_02.htm

2) A gestão do conhecimento, o capital intelectual e os ativos intangíveis no eterno presente das conexões imediatas escrito em final de 2012
http://www.dgz.org.br/out12/Art_08.htm

3) E,  o PPT de uma palestra sobre o artigo 2.  A palestra é de novembro de 2012 em um Colóquio na Bolsa de Valores do Rio de Janeiro
http://www.slideshare.net/aldobar/a-gesto-do-conhecimentocapital-intelectual-e-ativos-intangiveisna-velocidade-das-conexes-imediatas

a imagem é do filme Dragonball Evolution

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 50 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: